SAÚDE

Maternidade em Interlagos dobra capacidade para partos

04/05/2016

Eduardo Saraiva

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O governador Geraldo Alckmin entregou, no último dia 31 de abril, as obras de adequação e modernização das UTIs Obstétrica e Neonatal e demais alas do Hospital e Maternidade Interlagos.

"Foram contratados 50 médicos, 30 obstetras e 20 intensivistas através da Fundação da Faculdade de Medicina do ABC", disse Alckmin.

A oferta de partos dobrará na unidade, passando de 200 para cerca de 400 procedimentos por mês. 

O investimento total é de R$ 10,5 milhões para a readequação e modernização de setores, como do pronto-socorro, enfermarias, Central de Material Esterilizado (CME), pré-parto, conforto médico e UTIs Obstétrica e Neonatal. Além disso, foi efetivada a contratação de mais profissionais de saúde para operacionalizar e gerenciar parte dos novos leitos.

A equipe multidisciplinar, contratada por meio de convênio com a Fundação do ABC, será composta por 10 profissionais, incluindo médicos ginecologistas/obstetras e neonatologistas. O convênio tem vigência de 10 meses e poderá ser prorrogado, se necessário. Ele prevê a ampliação gradativa no funcionamento dos leitos das UTIs Obstétrica e Neonatal.

Com área total de 3 mil metros quadrados, o Hospital e Maternidade Interlagos integra serviços assistenciais instaladas em duas edificações, que incluem a unidade hospitalar e o prédio anexo, onde estão a farmácia e o ambulatório.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER!
NOME: EMAIL:
Enviar