ESPORTES

Virada Esportiva 2012 agita fim de semana da cidade

27/06/2012

A 6ª Virada Esportiva, marcada para sábado (30) e domingo (1/7), contará com mais de três mil atrações espalhadas por mil locais diferentes. Serão mais de 200 modalidades diferentes que atenderão os mais variados gostos. O objetivo dDivulgaçãoa Virada Esportiva, maior evento esportivo ininterrupto do País, é levar uma programação esportiva variada para diversos pontos da cidade, possibilitando que a população aproprie-se dos espaços públicos e pratique atividade física.

Atletas e voluntários realizaram, nesta quarta-feira (27), diferentes atividades esportivas em pontos tradicionais de São Paulo para promover a Virada Esportiva. No prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na avenida Paulista, homens fizeram rapel. Jogadores brasileiros de futebol americano também participaram da divulgação do evento no Viaduto Santa Ifigênia, região central de São Paulo.

Entre as principais novidades deste ano, o centro de esportes náuticos na Represa de Guarapiranga. Ainda na região, na Praia do Sol, haverá espaço para a prática de golfe, natação e hipismo, segundo a Prefeitura. No CEU Água Azul, em Cidade Tiradentes, zona Leste da capital, a Prefeitura prevê uma pista de patinação no gelo, escalada aquática, futebol, esgrima, tênis, aulas de pole dance e brincadeiras para crianças.

No centro da cidade, a Câmara Municipal será utilizada para a prática de corrida, rapel, artes marciais, skate, basquete, escalada, boxe e atividades zen. Já na zona Oeste, o Memorial da América Latina terá patinação no gelo, badminton e a Virada Noturna de Patins.

O evento, criado em 2007, é uma iniciativa da Prefeitura de São Paulo e coordenada pela Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação (Seme). Para a realização das atividades, a Seme conta com sua estrutura própria, e também com o apoio e espaços do Governo do Estado de São Paulo e de unidades do Sesi, Sesc, CEU’s, da Subprefeitura, dos clubes sociais e de pontos turísticos da cidade.

Além disso, a CET, Guarda Civil Metropolitana (GCM), a Polícia Militar e a Secretaria de Segurança Urbana trabalharão para que a Virada seja um evento totalmente seguro. Nas cinco edições, nunca foi registrada alguma ocorrência policial.

Todas as pastas da Prefeitura estão trabalhando em conjunto para oferecer um evento de qualidade aos paulistanos. A Secretaria de Saúde oferece ambulâncias e postos de atendimento, a Secretaria do Verde e Meio Ambiente cuida dos Parques Municipais, a Secretaria de Comunicação, a Secretaria da Educação e a Secretaria do Turismo ajudam na divulgação do evento, a Secretaria de Participação e Parceira cuida da integração da diversidade de públicos no evento e a Secretaria da Pessoa com Deficiência trata da acessibilidade das atividades.

Com a Virada Esportiva, a população tem a oportunidade de conhecer diferentes esportes e a cidade onde vivem, podendo a partir daí adotar uma forma de vida mais saudável.

Os principais números da Virada

Toda a estrutura da Seme está pronta para receber as atividades da Virada Esportiva 2012. As atrações desta edição estão espalhadas por toda a cidade. Haverá atividades nos 186 Clubes- Escola, 282 Clubes da Comunidade (CDCs), além dos parques do Carmo, do Povo, Esportivo dos Trabalhadores, do Trote, Ecológico do Tietê, da Independência, das Bicicletas e Ibirapuera, e ainda os estádios do Pacaembu e Mie Nishi.

Em sua última edição, realizada em 2011, mais de 3,5 milhões de pessoas participaram da Virada Esportiva e aproveitaram as cerca de 2.500 atividades em toda a cidade. O público cresce ano a ano e mais que triplicou deste a primeira edição em 2007, quando um milhão de pessoas participaram do evento. Em 2008 foram dois milhões, em 2009 o número chegou a três milhões. Em 2010 superou 3,3 milhões de pessoas.

O trabalho da CET, da Guarda Civil Metropolitana, da Polícia Militar e da Secretaria de Segurança Urbana vai garantir a tranquilidade e organização do evento.

A Secretaria Municipal de Saúde colocará ambulâncias e postos de atendimento à disposição; a Secretaria do Verde e Meio Ambiente cuida dos Parques Municipais; a Secretaria de Comunicação auxilia na divulgação, a Secretaria da Educação oferece a programação nos CEUs e a SPTuris coordena a montagem e infraestrutura dos eventos; a Secretaria de Participação e Parceira cuida da integração da diversidade de públicos no evento, e a Secretaria da Pessoa com Deficiência trata da acessibilidade das atividades.

Acessibilidade

A Virada Esportiva está preparada para atender todos os públicos. As pessoas com deficiência e mobilidade reduzida também encontrarão um calendário específico dentro da programação. O Clube Escola Ibirapuera, na Vila Clementino, terá oficinas e competições de dança e bocha paralímpicos, além de receber a segunda edição do Rally Paradesportivo da Virada. O Clube Escola Lapa também terá uma programação acessível, com disputas de voleibol sentado, corrida de cadeiras de rodas e um circuito de caiaque dentro da piscina. Para completar o rol de destaques para este público, a Corrida da Superação, tradicional na Virada, acontece na Praia do Sol, point esportivo da Represa de Guarapiranga. Junto com esta agenda, a coordenação da Virada Esportiva também adaptou todos os grandes eventos estratégicos para receber o público com deficiência e mobilidade reduzida.

Tradição

Os eventos que foram sucesso de público nas edições anteriores estão de volta. As pistas de patinação no gelo serão montadas novamente em Paraisópolis e no Memorial da América Latina e pela primeira vez no CEU Água Azul em Cidade Tiradentes. O MMA caiu nas graças do brasileiro e não podia ficar de fora. O octógono mais uma vez será montado no Vale do Anhangabaú. E os amantes de skate poderão explorar o Parque da Independência no sábado. No Vale do Anhangabaú, os skatistas também encontrarão pistas e circuitos de street disponíveis no sábado e no domingo, com espaço para os amadores e profissionais também nas competições Skate Night e São Paulo Vert Pro-Skate.

E a tradicional Arena Digital mudou de lugar e será montada na Galeria Prestes Maia, também localizada no Vale do Anhangabaú. O evento também dura 24 horas, do meio-dia de sábado até meio-dia de domingo.

As novidades de 2012

Entre as novidades desta edição está o polo esportivo montado na zona leste da capital. O CEU Água Azul, em Cidade Tiradentes, será palco de diversas atividades, entre elas esgrima, moto show e escalada aquática. Característico de regiões bem mais geladas que o extremo leste de São Paulo, o Snowboard também é uma das atrações na região. No domingo ao meio-dia, o CEU também recebe o “Futebol dos Atores”, partida disputada por rostos conhecidos da televisão brasileira. Pela primeira vez desde 2007, o Memorial da América Latina funcionará durante toda a madrugada de sábado para domingo, configurando a Balada Esportiva durante 24 horas ininterruptas. O espaço vai receber o Mini-Drome, um mini-velódromo para os apaixonados por bikes. É a primeira vez que o evento vem ao Brasil, depois de passar por capitais como Paris, Tóquio e Toronto. O espaço terá competições no domingo e vai oferecer clínicas ao público durante o sábado.

Além do Mini-Drome, a Balada Esportiva no Memorial também terá shows de rap que vão servir de trilha sonora para finais do campeonato estadual de Basquete Streetball e uma infinidade de opções para quem anda de patins: mini-ramp, slalom, velocidade, free style e até patinação no gelo. O inusitado Bike Polo também será praticado pela primeira vez na Virada, substituindo o cavalo, por bicicletas. Os painéis de fotografia da Mostra Cinquentenário da Copa do Mundo de 1962, expostos no Memorial, também vão integrar a Virada Esportiva.

Outra novidade é a participação da Câmara Municipal. O Palácio Anchieta, sede do Legislativo municipal, receberá um ringue de boxe para a realização da segunda Copa Centro Olímpico da modalidade. Outra atração esperada é a corrida vertical pelas escadarias do prédio. Vencerá a prova quem alcançar no menor tempo possível o topo do edifício de 14 andares.

Outra modalidade para os apaixonados por bike é o 1º Downhill Urbano, com largada na Praça do Ciclista, localizada entre a avenida Paulista, marco da cidade de São Paulo, e a rua da Consolação. O passeio de mountain bike vai percorrer pontos da cidade que possuam escadarias.

A programação para a terceira idade está recheada de atividades na Arena do Idoso no Espaço Creci, na região central da cidade. Outra atração que promete agitar o público é o baile dos idosos no Clube Espéria, na Zona Norte.

Além disso, no Sesc Santana, domingo à 0h30, haverá uma apresentação de futebol vertical, com o grupo acrobático Fratelli, que utiliza técnicas de rapel, tirolesa e efeitos de voo para a prática do esporte.

Das 10h às 14h de domingo, o Minhocão será transformado num clube para a prática de tênis. Ao todo, 10 quadras de minitênis serão espalhadas pelo viaduto. A atividade é destinada preferencialmente para iniciantes.

E para quem não tem medo de altura a atração do domingo na avenida Sumaré fica por conta do rapel. A pista receberá também tênis, lazer sobre rodas, além de pole dance.

Os destaques da madrugada

VIRADA NOTURNA DE BIKE
Com saída às 20h do Parque das Bicicletas, deve ir até as 4h

MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA
Das 17h de sábado às 17h de domingo

JOGOS BOÊMIOS NO BABY BARIONI
Das 10h de sábado até 17h do domingo

CORRIDA 24 HORAS NO PET
Das 14h às 14h

ACAMPAMENTO DE TAE-KWON-DO NO PET
Das 20h às 6h

SESC SANTANA – FUTEBOL VERTICAL
(na parede do Sesc, em frente ao metrô Jd. São Paulo) à 0h30

NOVE UNIDADES DOS CEUS VÃO “VIRAR”
(Caminho do Mar, Sapopemba, Parelheiros, Jaçanã, Meninos, Jardim Paulistano, Jaguaré, Jaçanã e Alto Alegre)

TORNEIO NOTURNO DE TÊNIS NO PET
23h às 7h

ASSINE NOSSA NEWSLETTER!
NOME: EMAIL:
Enviar