ESPORTES

Obras do Itaquerão são intensificadas e operários atuam em 3 turnos

30/01/2012

As obras do Itaquerão foram intensificadas ao longo deste mês de janeiro. Desde o dia 16 de janeiro, os 1.171 operários da obra têm se dividido em três turnos para garantir a celeridade da construção do estádio que será a sede da abertura da Copa de 2014. O primeiro tem início às 7h30 e o último só termina às 5h30, ou seja, a construção fica paralisada menos de duDivulgação/Fábio Arantes/Secomas horas por dia. Já foram instalados mais de 500 blocos de concreto, 61 pilares, além de 64 vigas de concreto.

O prefeito Gilberto Kassab, acompanhado do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, fez uma vistoria às obras do futuro estádio do Corinthians, o Itaquerão, na manhã desta segunda-feira (30). "A Prefeitura, governos estadual e federal estão tranquilos com relação ao cronograma das ações", afirmou o prefeito, enfatizando a importância econômica que o futuro estádio terá na zona Leste da capital. “Essa é a primeira visita que realizo aqui e vejo que este estádio não é apenas uma conquista para o esporte, mas para o Brasil porque sediará a abertura do maior evento do planeta. Creio que o cronograma é absolutamente compatível e é um presente para a região mais populosa de São Paulo, que aspira um projeto de desenvolvimento que a Prefeitura e Governo do Estado mantêm”, completou o ministro.

Rebelo disse também, segundo relato de sites noticiosos, que o governo federal pretende que a Lei Geral da Copa seja votada e sancionada até o início de março, quando o país receberá mais uma visita de representantes da Fifa. Ainda segundo o ministro, portaria assinada na sexta-feira (27), destinará um valor estimado em R$ 90 milhões em isenções fiscais para estimular a obra. “Não sei exatamente o valor, mas acho que R$ 90 milhões ou um pouco mais de isenções. É o que fizemos para todos os projetos”, declarou. Os estádios de Natal, Belo Horizonte e o Maracanã já obtiveram o benefício.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER!
NOME: EMAIL:
Enviar